Instrumentos musicais de todo o continente americano

Caracol trompeta é um instrumento tradicional do tipo aerofone feito de cerâmica na cultura Moche, que se desenvolveu na costa norte do Perú entre os anos 100 800 d.C. Este instrumento de sopro imita a forma de um caracol marinho (Strombus) usado até hoje como trombeta nos Andes.

No seu interior possui volutas próprias de um búzio, replicadas em cerâmica, com uma técnica admirável e grande perfeição. Toca-se fazendo os lábios vibrar na embocadura do instrumento, podendo-se fazer modulações do som introduzindo a mão na abertura lateral.

Fonte: Museo Chileno de Arte Precolombino

Caracol trompeta, Museo Chileno de Arte Precolombino

Caracol trompeta, Museo Chileno de Arte Precolombino

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nos aerofones, categoria 4 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos, o som é produzido principalmente pela vibração do ar ou pela sua passagem através de arestas ou palhetas: o instrumento por si só não vibra, nem há membranas ou cordas vibrantes.

ETIQUETAS

  • Instrumentos musicais do Chile
  • Instrumentos de bocal
  • Família das trombetas
  • Instrumentos começados por c
Partilhe
Share on facebook
Facebook

Trompeta de caracol (caracol de mar) é um instrumento tradicional do tipo aerofone, similar a outros com diferentes nomes e especificidades artísticas e organológicas, espalhados pelo mundo.

Nos aerofones, categoria 4 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos, o som é produzido principalmente pela vibração do ar ou pela sua passagem através de arestas ou palhetas: o instrumento por si só não vibra, nem há membranas ou cordas vibrantes.

ETIQUETAS

  • Aerofones de bocal
  • Família das trombetas
  • Instrumentos começados por t
Trompeta de caracol com cena de combate, Coleção de Arte Pré-Hispânica, Museu Amparo, Puebla

Trompeta de caracol com cena de combate, Coleção de Arte Pré-Hispânica, Museu Amparo, Puebla

 

Partilhe
Share on facebook
Facebook

Organillo é um instrumento musical mecânico tradicional do México, Chile, Espanha e outros países de língua castelhana, tocado por um organillero. Com antecedentes no séc. XVII europeu, consiste numa caixa portátil com uma manivela que aciona o mecanismo interior. O elemento central é o cilindro de madeira oca que tem umas pontas de metal ordenadas de maneira que cada uma é uma nota da melodia. Cada melodia está gravada em cerca de 200 pontos e um cilindro pode tocar oito peças.

Ao girar a manivela, além do cilindro move-se um fole, que sopra numa caixa chamada secreto, que distribui o ar de maneira uniforme.

ETIQUETAS

  • Instrumentos musicais do México
  • Instrumentos musicais mecânicos
  • Instrumentos começados por o
Partilhe
Share on facebook
Facebook

Mohoceño é um instrumento tradicional do tipo aerofone da família das flautas, tocado por vários povos indígenas da Bolívia (América Latina).

Nos aerofones, categoria 4 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos, o som é produzido principalmente pela vibração do ar ou pela sua passagem através de arestas ou palhetas: o instrumento por si só não vibra, nem há membranas ou cordas vibrantes.

ETIQUETAS

  • Instrumentos musicais da Bolívia
  • Aerofones de aresta
  • Família das flautas
  • Instrumentos começados por m

 

Partilhe
Share on facebook
Facebook

Instrumento nacional do Paraguai, a harpa paraguaia é um instrumento musical do tipo cordofone que tem um estilo nacional associado. A harpa chegou à América do Sul em meados do século XVI, ou ainda antes, e foi introduzida no Paraguai pelos missionários Jesuítas que evangelizaram os guaranis e fundaram missões. A harpa foi utilizada com frequência para substituir o órgão de tubos e o cravo. O formato da harpa paraguaia consolidou-se no século XX com o intérprete e compositor Felix Perez Cardoso, que compôs algumas das mais memoráveis obras para harpa paraguaia. É um instrumento leve e portátil, com 1,5 m de altura. A caixa de ressonância é feita de madeira de cedro e tem 36 ou 37 cordas. Normalmente é tocada pelo executante em posição sentada.

Situa-se no índice 32 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos. É um cordofone composto, instrumento de corda que tem caixa de ressonância como parte integrante e indispensável. Nos instrumentos da categoria “cordofone”, o som é produzido principalmente pela vibração de uma ou mais cordas tensionadas.

ETIQUETAS

  • Instrumentos musicais do Paraguai
  • Instrumentos de corda dedilhada
  • Família das harpas
  • Instrumentos começados por h
Partilhe
Share on facebook
Facebook

Conga é um tambor de origem cubana com casco cónico ovalado, quase como um barril. Produz um som médio grave e é usado em par ou trio, geralmente sobre um suporte. O instrumentista toca geralmente em pé. É amplamente usado na música afro-cubana e na salsa. O casco é geralmente feito de madeira, embora versões modernas possam ser feitas de fibra de vidro ou outros materiais. A pele de animal, tradicionalmente pele de cabra, é esticada sobre o casco para produzir som quando tocada.

A conga é tocada com as mãos nuas ou com baquetas específicas. O músico normalmente toca a conga em pé, usando técnicas de palmas, batidas, pressão e deslizes para criar diferentes sons e ritmos. O tambor produz um som médio grave característico, fundamental para impulsionar a música afro-cubana e a salsa.

As congas são frequentemente tocadas em pares ou trios chamados de “tumbadoras”. Cada tambor na configuração tem um tamanho diferente e é afinado em uma altura específica para criar uma variedade de sons e padrões rítmicos quando tocados em conjunto. Os instrumentistas de conga são conhecidos como “congueros” e são altamente reverenciados na música latina.

Além de ser um instrumento principal em muitas músicas afro-cubanas e salsa, as congas também são usadas em outros géneros musicais, como jazz, pop e rock, adicionando energia às atuações. O instrumento também é usado em apresentações ao vivo e gravações de estúdio.

Muitos músicos famosos, como Poncho Sanchez, Mongo Santamaria e Tito Puente, são conhecidos por seu virtuosismo nas congas.

Tambor versátil e vibrante, a conga desempenha um papel importante na música latina e em uma variedade de gêneros musicais ao redor do mundo.

(com IA)

A forma resulta da sua origem histórica. No início eram utilizados barris sem tampa com peles esticadas através de cordas, numa das bocas. O instrumento primitivo foi usado até ao princípio de século XX e evoluiu até ao modelo atual, em que a pele é tensionada por canoplas e grampos.

  • Instrumentos musicais de Cuba
  • Instrumentos da América Central
  • tambores em forma de cone ovalado
  • Instrumentos começados por c
Conga, Cuba

Conga, Cuba

Partilhe
Share on facebook
Facebook

O tres cubano é um instrumento de corda dedilhada com formato parecido com o de uma guitarra clássica, com três cordas duplas. O seu papel na música popular cubana consiste em criar linhas melódicas secundárias uma terceira ou uma sexta acima da melodia principal, com efeito rítmico. Raramente é usado para tocar acordes.

Originário de Porto Rico existe também um tres com 3 cordas triplas.

Situa-se no índice 32 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos. É um cordofone composto, instrumento de corda que tem caixa de ressonância como parte integrante e indispensável. Nos instrumentos da categoria “cordofone”, o som é produzido principalmente pela vibração de uma ou mais cordas tensionadas.

ETIQUETAS

  • Instrumentos musicais de Cuba
  • Instrumentos da América Central
  • Instrumentos de corda dedilhada
  • Cordofones do tipo alaúde
  • Instrumentos começados por t
Tres cubano

Tres cubano

Partilhe
Share on facebook
Facebook

Auto-harpa (ou autoharp, em Inglês) é um cordofone da família das cítaras originário dos Estados Unidos da América. Foi originalmente uma marca registada da empresa Oscar Schmidt, mas o termo passaria a ser usado para cítaras de mão de outros fabricantes.

Possui uma série de barras de acordes anexadas aos amortecedores que, quando pressionadas, silenciam todas as cordas que não fazem parte do acorde pretendido. A auto-harpa continua a ser utilizada na música tradicional norte-americana, como o antigo country (música dos Apalaches), bluegrass e folk. Foi usada também no rock, pela banda The Beach Boys no álbum Today! (1965).

É fácil de tocar como um instrumento rítmico mas também pode ser instrumento melódico.

ETIQUETAS

  • Instrumentos musicais dos Estados Unidos da América
  • Instrumentos começados por a
Auto-harpa, EUA

Auto-harpa, EUA

Partilhe
Share on facebook
Facebook

Arpa criolla é um cordofone dedilhado da família das harpas tradicional da Venezuela.

Situa-se no índice 32 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos. É um cordofone composto, instrumento de corda que tem caixa de ressonância como parte integrante e indispensável. 

ETIQUETAS

  • Instrumentos musicais da Venezuela
  • Instrumentos de corda dedilhada
  • Família das harpas
  • Instrumentos começados por a
Partilhe
Share on facebook
Facebook

O matafono consiste numa cabaça cujo som é emitido pela vibração e a voz do executante. O instrumento está dividido em duas partes com um orifício para apoiar os lábios.

Ao cantar através do matafono, ambas as tapas vibram, entrechocando, ligeiramente pressionadas com os dedos. O timbre muda variando a pressão.

  • Instrumentos musicais da Argentina
  • Instrumentos começados por m
Partilhe
Share on facebook
Facebook